segunda-feira, 4 de julho de 2011

UM PÊNIS PARA A JOGADORA MARTA!

 Como?
                                   Vamos com calma. A Constituição Federal Brasileira diz que todos nós somos iguais perante a Lei, sem discriminação de sexo, religião etc..



                                   Nos últimos dias, anos, o que se vê é a preocupação das chamadas minorias a se igualar à maioria. O sexo feminino, no Brasil, é maior que o sexo masculino, como as mulheres são minorias? Quem disse? Ah... é quanto aos direitos trabalhistas... durma-se com barulho desses...

                                   O Código Civil iguala o pátrio poder ou poder familiar, qualquer dos cônjuges pode fazer tudo em relação a ambos, sem nenhuma proibição, salvo fianças, imóveis e pequenas coisas. O Código de Processo Civil iguala o homem e a mulher em todos os negócios.



                                   Ainda tem um tal de STF que diz que dois homens ou duas mulheres são família. Pode?

                                   Dito isso, a gente vê que não há e não deveria e nem deve haver nenhuma diferença entre o homem e a mulher... quanto aos direitos humanos pois na cama... falando sério, os dois são iguais e tem as mesmas prerrogativas.


                                   Na Polícia Militar as mulheres são iguais aos homens, já existe Comandantes femininas. Nas Forças Armadas Federais, Exército, ainda há uma certa resistência, não deveria.

                                   O que tem tudo isso com um pênis para a jogadora Marta?

                                   É que a Marta, jogadora de futebol feminino, é, pela terceira vez, premiada como a melhor jogadora do mundo. Seria o Pelé feminino, apesar de parecer mais índia que negra.

                                   Joga bem, corre bem, dribla bem, converte as jogadas em gol, a mulher é um fenômeno, deixa o Ronaldinho longe, longe.




                                   Alguém pode dizer: e tu entendes de futebol? Fui jogador, goleiro da seleção piauiense de futebol de salão (substituto de meu irmão Melquisedeque), fui repórter esportivo no Jornal Diário da Noite, empresa do Jornal do Commércio, ao lado do Chico José (hoje da Globo) que está vivo e é minha testemunha. Cobria Náutico, Sport, Santa Cruz, Ibis, assinando VIANA MARANHÃO, lá em Recife, Pernambuco, 1967/1968. Procure lá na hemeroteca no ano de 1968 e vai encontrar até manchete produzida por mim.... FOME NA ILHA foi a capa do jornal. É só procurar..

                                   Pois bem, enquanto isso os homens fazem feio. A seleção brasileira joga contra a Venezuela, um fracasso. O maior ataque do mundo: Robinho, Pato, Ganso e Neymar e nada de gol, um merda de jogo.

                                   O que fazer?

                                   Coloca um pênis postiço na Marta e bota ela para jogar pela seleção, seremos campeões em todos os certames... valeu Marta, para mim é uma mulher e tanto e, pelo seu desempenho, até a estou achando bonita!.

                                   É minha sugestão: um pênis para a Marta... só assim o futebol brasileiro voltará a ser como antes!




                                   Concordas?

2 comentários:

Piauí sem Fronteiras disse...

A raça da Marta deveria servir de exemplo para os nossos jogadores que se dizem homens.

Anônimo disse...

a martaé mto boa mesmo (queria saber se ela e tao boa na cama como no campo)